Alimentos ricos em vitamina D

A vitamina D é considerada como um  dos nutrientes essências para o organismo humano. Sua importância se deve as ações que a vitamina exerce para a saúde, entre os principais benefícios estão: o fortalecimento dos ossos, dentes, músculos e sistema imunológico, proteção cardiovascular, prevenção e controle da diabetes, entre outros benefícios.

Ela é fabricada pelo organismo e sua produção depende principalmente da exposição solar, através dos raios ultravioletas (UVB) que são responsáveis pela ativação da síntese da vitamina. A exposição à luz solar é vital para que o organismo metabolize a vitamina D.

vitamina D

vitamina D

Somente o sol é apontado  como o responsável por 80 a 90% da quantidade de vitamina D que o corpo ganha. O tempo ideal para essa exposição varia de acordo com a cor da pele, mas em média a orientação é de 15 a 20 minutos de exposição ao sol –  sem protetor solar – antes das 10 horas da manhã. 

Além de ser produzida pelo organismo, a vitamina D também pode ser fabricada em laboratórios para ser consumida em forma de cápsulas (comprimidos), sendo esta administrada como uma suplementação, especialmente para casos de deficiência da vitamina, bem como, para a profilaxia (prevenção) e tratamento de uma variedade ampla de doenças.

Vitamina D benefícios:

– Ossos: a vitamina D é responsável pela ampliação da absorção do cálcio pelos ossos. O cálcio é um mineral fundamental para a manutenção óssea, pois favorece a formação e a saúde dos ossos e dentes. A deficiência da vitamina D pode estimular o raquitismo – distúrbio ósseo que provoca o enfraquecimento e o amolecimento dos ossos em crianças – na infância e a osteoporose – diminuição progressiva da densidade óssea que eleva o risco de fraturas –  na fase adulta.

– Proteção cardiovascular: muitos estudos e artigos indicam a vitamina D como um nutriente que exerce ações cardioprotetoras. Essas constatações podem estar associadas ao fato de que ela está envolvida no controle das contrações do músculo cardíaco, assim auxilia na melhora do bombeamento do sangue para o corpo. Ela também está relacionada ao relaxamento dos vasos sanguíneos, na regulação da pressão arterial e na prevenção de doenças cardiovasculares – infarto, aterosclerose e derrame.

– Sistema imunológico: a vitamina D contribui para o funcionamento adequado do sistema imunológico, reforçando as defesas do corpo. Esta ação ajuda na prevenção e no tratamento de doenças relacionadas as falhas do sistema imunológico.

– Diabetes: a deficiência de vitamina D no organismo é apontada como um dos fatores de risco para o desenvolvimento da diabetes tipo I e tipo II. A vitamina D também pode auxiliar na prevenção e no controle da diabetes, isto pois está envolvida na produção de insulina pelo pâncreas.

– Tecido muscular: a falta de vitamina D está associada a redução e a fraqueza da massa muscular, além de favorecer o aumento dos riscos  de danos musculares. O consumo adequado de  vitamina D contribui para  a força muscular e pode reduzir os riscos de quedas e fraturas.

A vitamina D também pode ser encontrada em determinados alimentos que oferecem quantidades significativas desta vitamina, são eles:

  • Óleo de fígado de bacalhau;
  • Atum;
  • Óleo de Salmão;
  • Peixes;
  • Sardinha;
  • Ovo;
  • Queijos gordos;
  • Carne bovina;
  • Leite fortificado.

É importante ressaltar que o excesso de vitamina D só se dá por meio da suplementação, pois os alimentos não possuem quantidades elevadas deste nutriente. Portanto, é fundamental que antes de iniciar a ingestão de qualquer que seja a suplementação, seja realizada a  avaliação médica ou de um nutricionista, pois a  suplementação sem orientação médica pode ser altamente prejudicial à saúde.

Autor: Redação Sare Drogarias

Créditos: http://www.saredrogarias.com.br/

Facebook Comments

Leave a Reply